Quinta-feira, 3 de Novembro de 2011

Fora a PM da USP, deixem os marginais, travestidos de estudantes, à vontade para cometer seus crimes

Justiça dá prazo de 24 horas para alunos deixarem prédio da reitoria da USP

 Justiça dá prazo de 24 horas para alunos deixarem prédio da reitoria da USP

A universidade divulgou imagens de câmeras de vigilância do momento em que os estudantes forçaram a entrada. O prédio foi ocupado na noite da última terça-feira (01) e funcionários não podem trabalhar.

Jornal Nacional | Última atualização: 03/11/2011

 

A parcela de vândalos, baderneiros, anarquistas, agitadores partidários, marginais que formam a maioria esmagadora da comunidade estudantil da Universidade de São Paulo a USP, aquilo que é em São Paulo o maior antro de marginais travestidos de estudantes do país, estão novamente provocando baderna e vandalismo no Campus Universitário, pasmem, exigindo o contrário dos outros que clamam por segurança, os marginais, querem que a segurança se retire do Campos e os deixem livres para praticar seus crimes, rotineiramente alguns publicados nas páginas de crime dos jornais como tráfico de drogas, assassinato do estudante filho de chineses num trote na piscina do Campos, assassinato de um rapaz num assaltou dentro do campo recentemente e outros casos denunciados pelos verdadeiros estudantes que não querem e temem a saída da PM do Campos e ele ficar a mercê dos marginais de dentro e fora, que é muito normal porque os bandidos podem entrar de ônibus, já que existem algumas linhas que servem o Campos e qualquer um pode embarcar num ônibus passar e desembarcar dentro do campos para praticar delitos e concorrer com os marginais lá existentes, alguns até residentes.

 

Dão muita sorte, porque enfrentaram a polícia política, comedida e moderada de São Paulo que tem medo de tomar as medidas que o caso requer, com medo de serem punidos e até excluídos da corporação.

 

Felizmente no Rio de Janeiro não tem esse tipo de marginal, com a quantidade que tem em São Paulo, porque se fosse lá eles pensariam duas vezes antes de encararem o BOPE, o Batalhão de Choque e a CORE com essa mesma disposição, sem ter a justa reação para desistirem de uma vez por todas de tentar desmoralizar a autoridade da policia ‘Deus só coloca dente bom na boca de cachorro’ e ‘corcunda sabe como se deita’.

 

No Rio, anarquistas e baderneiros, marginais como esses travestidos de alunos, pensam duas vezes antes de promover esse tipo de baderna, bloquear ruas importantes tirando o direito de ir e vir das pessoas que não tem nada a ver com suas canalhices, suas arruaças e reivindicações tendenciosas em favor de partidários e lideres sindicais, fugindo dos objetivos da greve, e prejudicando a sociedade que não tem nada a ver com suas badernas e reivindicações tendenciosas, politiqueiras e partidárias.

 

A USP é publico e notório é um Campus Universitário infestados de marginais matriculados nas faculdades, travestidos de estudantes, como vemos no noticiário policial à anos, politiqueiros, reduto vagabundos que não gostam de trabalhar e se mantém filiados a partidos e nomeados em cargos públicos a serviços de políticos e partidos políticos e sindicatos, sobretudo os tiranossauros, da idade da pedra lascada, anacrônicos e acéfalos, apedeutas de esquerda, irracionais, alienados mentais sem capacidade de raciocínio de esquerda, vermes, asnos, lixo humano mesmo, agitadores, promotores de badernas e anarquia com reivindicações idiotas e discursos retóricos, conhecidos trampolins para tentar ascender ao poder, ou pelo menos alguma cargo público onde eles possam receber alguma propina, vender favores, antro onde se reúne uma maioria de vagabundos trambiqueiro que sai de algum esgoto fétido morto de fome, forasteiro e retirante com destino a São Paulo, por não gostar de trabalhar e passa a viver a vida aplicando estelionato, expediente, acordos e maracutaias em sindicatos e partidos políticos, até tentar chegar a presidência da república, coisa muito comum em São Paulo. Conhece algum sindicalista vagabundo que se deu bem, que em vez e voz no Rio?

 

Observando eles em associações, sindicatos, confederações e centrais sindicais, participando de suas reuniões, ouvindo seus discursos retóricos e repetitivos, verificamos que são exatamente iguais aos que estamos acostumados a ver nas paginas policiais, ouvir nos programas eleitorais, onde esses energúmenos, amebas, charlatões, mentirosos, manipuladores politiqueiros que pregam que tem retorça e solução para todos os problemas nacionais, mas quando eleitos o que se vê no noticiário é que só tem a solução para seus próprios problemas, com corrupção, roubo, desvio de verbas, superfaturamento de produtos e serviços, pagamento de publicidade da Caixa Econômica e Banco do Brasil que nunca foram veiculadas, caixa dois, mensalão, dólar na cueca.

 

A ralé que vota e elege em São Paulo a anos da voz e vez e essa escória e eles sabendo disso sai lé dos buracos fétidos onde eles moram e vão direto pra São Paulo por saber que lá tem tradição de eleger e elevar a categoria de excelência, todos os medíocres, vagabundos, ladrões, mensaleiros, superfaturadores, corruptos, todos eleitos pelo estado que é a atividade econômica mais pujante do país mas é também a mais politiqueira, e zoneada e a que demora mais a regulamentar e acertar a vida da sociedade civil, mas que por outro lado acolhe, acomoda, e da ordenamento jurídico com a maior velocidade a sindicatos, grêmios esportivos de funcionários, associações de funcionários, até os partidos políticos efetivamente. Essas atividades que emprega um número alarmante de desocupados, vadios, politiqueiros que se dedicam a essas praticas na intenção de ascender politicamente o poder ou cargos públicos.

 

Por isso em qualquer lugar de São Paulo, empresa, instituição, grêmios que possua um grande número de pessoas, seja funcionários, associados, cooperado, lá estão os politiqueiros representado seus sindicatos, partidários políticos sobretudo os de esquerda, os ‘tiranosauros’ som seus discursos socialistas, o caso mais famoso foi do nosso ex-presidente, que só trabalhou alguns meses na vida, “perdeu um dedo”, montou um Sindicato, faliu o ABC com a debandada das empresas transformando o local num deserto de ex-empresas, que não resistiram suas investidas contra elas, montou um partido político, viveu 20 anos sem trabalhar de politicagem, de favor de amigos, hoje seus assessores, chefes de gabinetes e ministros, perseguindo a presidência da república até conseguir. E essa pratica se repete na USP, no Hospital das Clínicas, no INCOR – Instituto do Coração, e em muitas outras instituições em São Paulo, onde eles diversificam essas atividades para arranjar cargo para todos, criando Grêmios Esportivos, Sindicatos, Associações de Funcionários, todos, sem, exceção, ligados a políticos, partidos políticos, CUT ou CGT.

 

No caso da USP também são famosos pelo alarmante número de drogados, marginais, prostitutas, agitadores, anarquista e partidários matriculados, prejudicando sobremaneira a vida da sociedade e dos verdadeiros alunos que prestaram e passaram no vestibular da Universidade para estudar.

 

A USP é famosa e temida na vizinhança pelo alarmante número de marginais matriculados e o altos índice de criminalidade reinante em seu Campu, consumo de drogas de todas as espécies entre os “estudantes”, os assaltos e a prática de prostituição pelos próprios matriculados “alunos” da Universidade.

 

Dali já se teve noticias de vários crimes estarrecedores praticados pelos próprios marginais matriculados como “alunos”, o mais famoso deles foi quando um grupo de marginais, anarquistas e baderneiros drogados cometeu um assassinato afogando um calouro na piscina em 22 de fevereiro de 1999, durante o tradicional trote dos alunos da Faculdade de Medicina do qual foi vítima o calouro Edison Tsung Chi Hsueh, cujos autores hoje são “médicos” formados trabalhando em hospitais de São Paulo, com doze anos de impunidade. O pai do estudante acabou morrendo de desgosto pela morte de seu filho, os marginais criminosos, até hoje não foram punidos, julgados nem condenados.

 

Outro crime cometido por um outro marginal, estudante da USP, que chocou a cidade de São Paulo, foi o do estudante de jornalismo Rafael Azevedo Fortes Alves, 21, morto esfaqueado no peito por um colega.

 

Agora os marginais querem a Polícia Militar fora do campus universitário, tudo começou quando três deles foram presos por estarem dentro de um carro fumando maconha. Depois de uma assembléia entre os alunos para decidir se eles paralisariam a anarquia e a baderna e aceitariam ou não a Policia Militar policiando o campos, mesmo sendo voto vencido, a maioria decidindo que o movimento seria encerrado e que a PM continuaria policiando o Campos, os marginais resolveram não acatar a decisão da maioria e resolveram invadir a reitoria da Universidade.

 

Agora à noite tivemos a interrupção de nossa programação de TV para assistir a excrescência nacional que é a ‘Propaganda política partidária’ de um desses lixos de partidos da escória nacional, os parasitas da sociedade, almejando o poder, lacaios, idiotas, comunistas, tiranossauros, retrógrados, com seus discursos velhos e esfarrapados que não deu certo em lugar nenhum do mundo, declarando apoio aos marginais, vândalos e arruaceiros da USP travestidos de estudantes.

 

USP

 

 Justiça dá 24 horas para alunos deixarem reitoria da USP

...3) a reintegração de posse do prédio da reitoria da USP, ocupado desde quarta-feira (2) por estudantes contrários...GALERIA DE FOTOS: Veja imagens da invasão da retoria da USP USP divulga vídeos de invasão de alunos à reitoria USP já pediu...

G1 | Última atualização: 03/11/2011

 

 Justiça determina reintegração de posse da reitoria da USP

Os universitários que invadiram o prédio também fizeram barricadas na rua que dá acesso ao prédio da administração central. Os manifestantes ocuparam a reitoria por não concordarem com a desocupação da faculdade de filosofia.

Jornal Globo News | Última atualização: 03/11/2011


 

 Justiça determina reintegração de posse da reitoria da USP

Os universitários que invadiram o prédio também fizeram barricadas na rua que dá acesso ao prédio da administração central. Os manifestantes ocuparam a reitoria por não concordarem com a desocupação da faculdade de filosofia.

Jornal Globo News | Última atualização: 03/11/2011


Reintegração de posse de prédio da USP é determinada

...autorizou hoje a reintegração de posse do prédio da administração central no câmpus do Butantã da Universidade de São Paulo (USP), na zona oeste da capital. O edifício foi ocupado na madrugada de quarta-feira por manifestantes contrários à presença da Polícia...

G1 | Última atualização: 03/11/2011

 

Justiça dá 24 horas para alunos saírem da reitoria da USP

Prédio está ocupado desde a madrugada de quarta-feira na Zona Oeste de SP.

  

 

USP divulga vídeos de alunos invadindo reitoria

 

 

Alunos desocupam prédio de faculdade da USP

 

 

Protesto pede saída da PM de campus da USP

 

PROTESTO DE 'ALUNOS'

Reitoria da USP diz não poder mandar PM sair

Posse de maconha gerou confronto ontem.

 

'Lei é para todos', afirma Alckmin

6 carros da polícia são danificados no confronto

Postado por olinguarudo às 23:02
Link do post | Faça um comentário | Adicionar aos favoritos
|

*Pesquisar neste blog

 

*Mais sobre mim

*Março 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

*Posts do mês:

* Março 2013

* Fevereiro 2013

* Janeiro 2013

* Dezembro 2012

* Novembro 2012

* Outubro 2012

* Setembro 2012

* Junho 2012

* Maio 2012

* Abril 2012

* Março 2012

* Fevereiro 2012

* Janeiro 2012

* Dezembro 2011

* Novembro 2011

* Outubro 2011

* Setembro 2011

* Agosto 2011

* Julho 2011

* Junho 2011

* Maio 2011

* Abril 2011

* Março 2011

* Fevereiro 2011

* Janeiro 2011

*Posts recentes

* Encontrei meu médico de f...

* Dilma: "Eu acho que vai t...

* Da Série: No que a quadri...

* Duas trajetórias, que pre...

* "Pai presente" um comerci...

* Museu de Arte do Rio que ...

* Fui pra onde?

* Para cair na folia: Agend...

* Vila Olímpica ganhará nov...

* Justiça decide que é lega...

* Governo investe forte na ...

* “Time of Rio”

* Expansão vai levar Parque...

* Se você é desocupado como...

* Novo trecho da TransOeste...

* Investimento em infraestr...

* Viaduto da Abolição refaz...

* Rio de Janeiro: Onde a op...

* Túnel do tempo olímpico -...

* Policial em São Paulo, pr...

* Rio: Guardando o lixo lon...

* Parque de Madureira: O pa...

* TransOeste: Caminho de ar...

* BRT Transoeste muda o con...

* TransOeste: Túnel da Grot...

* Prefeito de Japeri suspei...

* Se houve mensalão Lula fo...

* Preso verme que matou pol...

* Os "coitadinhos e excluíd...

* Na semana da pátria a jus...

* Passado e modernidade jun...

* Inaugurado o BRT TransOes...

* Túnel Binário já começa a...

* Inaugurado o terceiro mai...

* Ornamentos do século XIX ...

* Governo anuncia venda do ...

* Paes comemora rating conc...

* Setor de Tecnologia da In...

* BRT Transoeste muda o con...

* Jardim do Valongo passa p...

* A casa paradisíaca da can...

* Fim de semana no Rio: Dic...

* Camilo Portugal, um atlet...

* Fim de semana no Rio: Dic...

* No último final de semana...

* Fim de semana no Rio: Dic...

* Príncipe Harry participa ...

* Fim de semana no Rio: Dic...

* No dia da Mulher: EUA hom...

* Alunas saem da praia e vã...

*Meu álbum de fotos

*Comentários Recentes

Kkkkkkkk, pra quem odeia paulista, sabe muito sobr...
Não vejo a hora de ver este projeto em anda...
Até me assusta ver um blog como este....Depois de ...
Pow o maior sonho de todo flamenguista e ter um es...
Alguns erros: Rodovia Raposo Tavares: A via foi en...
O Alan, vc sim é um verdadeiro idiota, um verme, e...
São pessoas como você que merecem ser abortadas, n...
Olá Chefe Camilo, só tenho que agradecer pela pess...
Olá aqui é Camilo Portugal o cidadão da foto aí em...
Parece que essa mudança vai ser boa para os client...

*Mais comentados

*tags

* todas as tags

blogs SAPO

*subscrever feeds