Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Linguarudo

Orgulho de ser brasileiro, mas sobretudo carioca, um estado de espírito, um estilo de vida, nascido em Madureira no Rio, capital do samba, flamenguista e Beija-Flor de Nilópolis; sincero, franco, sem papas na língua, marrento, fala o que sente na lata

Orgulho de ser brasileiro, mas sobretudo carioca, um estado de espírito, um estilo de vida, nascido em Madureira no Rio, capital do samba, flamenguista e Beija-Flor de Nilópolis; sincero, franco, sem papas na língua, marrento, fala o que sente na lata

O Linguarudo

07
Out11

Investimentos no Brasil: Nissan anuncia investimento de R$ 2,6 bilhões em nova fábrica no RJ

olinguarudo

Montadora diz que vai gerar 2 mil empregos diretos e indiretos.
Operação deve começar na primeira metade de 2014.

Lilian Quaino Do G1 RJ

Nissan March (Foto: Luciana de Oliveira/G1)

 

Nissan March, recém-lançado no Brasil, atualmente vem do México, mas passará a ser feito em Resende-RJ em 2014 (Foto: Luciana de Oliveira/G1)

 

O presidente mundial da Nissan, o brasileiro Carlos Ghosn, anunciou nesta quinta-feira (6) que a nova fábrica da montadora, em Resende, no RJ, terá um investimento de R$ 2,6 bilhões e produzirá 200 mil carros por ano. O empreendimento vai gerar 2 mil empregos diretos e indiretos e deve entrar em operação na primeira metade de 2014.

 

No RJ será fabricado o novo compacto March, que atualmente vem do México, e, possivelmente, o sedã Versa, que chegará ao Brasil no fim do ano, ainda como importado. Ambos são da nova Plataforma V. A produção da picape Frontier e da linha Livina continuará sendo feita no Paraná, junto às instalações da Renault, em São José dos Pinhais.

 

Ghosn disse que a fábrica será uma das mais modernas da marca e pretende atender ao mercado brasileiro e latino-americano em suas necessidades e especificações. O plano da Nissan é alavancar a participação no mercado brasileiro, que hoje é de 1,7%, para 5% até 2016 -o presidente da marca no Brasil, Christian Meunier, pretende alcançar esta meta até 2014, para "surpreender" Ghosn.

Os investimentos no Brasil são parte da estratégia de crescimento mundial da montadora que tem fábricas na Índia, na Rússia e na China.

A Nissan pretende lançar 10 novos produtos no país até 2016 e, segundo Ghosn, ser a primeira em vendas entre marcas asiáticas. Atualmente, esse lugar pertence a Honda, com cerca de 3,5% de participação no acumulado do ano, em automóveis.

 

"O mercado brasileiro, que é o quarto do mundo, justifica esse investimento", declarou Ghosn, em solenidade no Palácio Laranjeiras, no Rio de Janeiro, ao lado do governador Sérgio Cabral. Cabral disse que a nova fábrica vai ajudar no erguimento da economia fluminense. "O Rio terá um parque industrial diferenciado com milhões em investimento. O Rio tem uma tradição de atração de investimentos", afirmou o governador. O estado já abriga a fábrica da Peugeot-Citroën em Porto Real.

 

nissan anúncio rio de janeiro (Foto: Lilian Quaino/G1)
Carlos Ghosn (esq) anuncia construção de nova
fábrica ao lado do governador do RJ, Sérgio Cabral
(Foto: Lilian Quaino/G1)

 

Qualificação de mão de obra

 

A Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) anunciou ainda um acordo com a montadora para qualificar mão de obra básica específica para a fábrica de Resende. Por meio do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Estado do Rio), será desenvolvida uma metodologia de avaliação e treinamento para preparar 1.700 profisionais até dezembro de 2013, número necessário para a construção, manutenção e operação da fábrica.

 

A Nissan divulgou ainda que fará investimentos na área social do Rio, para beneficiar crianças e adolescentes da área do Caju, na Zona Portuária da cidade. Esse apoio será estendido também à população carente de Resende.

 

Renault também amplia fábrica no PR

 

O grupo Renault-Nissan já havia anunciado na última quarta (5) um aumento na produção da fábrica da Renault em São José dos Pinhais (PR), para 383 mil veículos ao ano, 100 mil a mais do que atualmente. Para isso, serão investidos mais R$ 500 milhões na ampliação da planta, somados ao R$ 1 bilhão previsto para o ciclo 2010-2015.

 

A meta da marca francesa é atingir 8%  de participação no mercado brasileiro até 2016. Se a Nissan também atingir seu objetivo de chegar a 5%, o grupo poderia superar a fatia que atualmente pertence à Ford, de cerca de 9,5% em automóveis. "O Brasil vai ficar um mercado muito competitivo, vai ficar difícil para qualquer um ter mais de 20% do mercado", disse Ghosn. As únicas marcas que ainda detém participação acima desse percentual no segmento de automóveis são a Volkswagen e a Fiat.

 

 Renault anuncia investimento de mais R$ 500 milhões no Brasil

...previsto do atual ciclo de investimentos, totalizando R$ 1,5 bilhão...2010-2015. Com o novo investimento, a marca instalada no Paraná...Mercadante e o governador do Rio, Sérgio Cabral (último...Renault-Nissan dobraria investimentos no país. O grupo deverá...

Auto Esporte 07/10/2011

 

JAC anuncia projeto de fábrica na Bahia (Divulgação) MERCADO AUTOMOTIVO

JAC anuncia projeto de fábrica na Bahia

 

 Mahindra mantém a operação da SsangYong no Brasil com a Districar

...apresentado no Salão de São Paulo, no ano passado (Foto: Milene Rios/G1) “Vamos lançar primeiro a versão a diesel do novo Korando...em uma fase difícil. Com a entrada da Mahindra, teremos investimentos em novos modelos”, destaca o diretor da Districar. Com...

Auto Esporte | Última atualização: 08/09/2011 18h21

 

  Chery inaugura pedra fundamental de sua 1ª fábrica de carros no Brasil

...com previsão para iniciar as operações em meados de 2013. O investimento total é de US$ 400 milhões, sendo que parte do montante...conquistar 1% do mercado brasileiro. Segundo Curi, atualmente, o Rio de Janeiro é o maior mercado da Chery e, no Nordeste, a chinesa...

Auto Esporte | Última atualização: 07/09/2011 18h47

 

 Iveco cria divisão de veículos militares e investe R$ 75 milhões

...Nomeada Iveco Veículos de Defesa, a nova divisão começa com investimento de R$ 75 milhões para a construção de uma unidade produtiva...militar da América Latina que começa no dia 12 deste mês no Rio de Janeiro. Segundo a Iveco, após ser exibido na LAAD, o...

Auto Esporte | Última atualização: 07/09/2011 19h28

 

 Montadoras mantêm investimentos apesar de expansão menor

...sua projeção de investimentos até o próximo ano...Cledorvino Belini. "O plano de investimento de US$ 11,2 bilhões entre...Belini fez os comentários durante o Congresso Brasileiro do A...

Auto Esporte | Última atualização: 03/06/2011 08h24

02
Jul11

Governo e empresas viabilizam cursos técnicos para formar urgente profissionais em setores estratégicos

olinguarudo
02/07/2011 00h42 - Atualizado em 11/07/2011 22h04
Complexo petroquímico tem investimento de R$ 8 bilhões em Itaboraí
O empreendimento já começou a mudar a vida de muitas pessoas. Treinamento de trabalhadores, vagas para empregos, valorização de mão de obra local são algumas das vantagens.
Bom Dia Rio | Última atualização: 05/04/2011 06h30

 

Com a explosão de investimentos públicos e privados e o conseqüente desenvolvimento econômico, geração da demanda de empregos porque vem passando o país, sobretudo o Estado do Rio de Janeiro em setores primário e em áreas estratégicas tem obrigado o governo, empresas e instituições como a Fundação Ceperj a lançar curso de especialização na área de petróleo e gás, a viabilizarem cursos técnicos e de formação superior para suprir a demanda do mercado já que há uma demanda reprimida e a escassez de mão-de-obra, nas áreas de petróleo e gás que vai demandar muitos profissionais, e alguns deles já se fazem necessário e o mercado não possui.

Construção do Pólo Petroquímico de Itaboraí, RJ

 Construção de polo petroquímico leva pequenos negócios para Itaboraí

Seis mil trabalhadores começam a erguer construções. Até o fim do ano, serão 12 mil. No auge das obras, em 2012, serão 25 mil trabalhadores. Grande empreendimento acaba cercado por negócios menores.

Globo Repórter | Última atualização: 11/02/2011 23h40 

 

As belas e tranqüilas cidades turísticas de norte a sul do litoral fluminense, muito acostumadas a atrair e receber transatlânticos, aviões, ônibus e veículos com turistas do mundo inteiro, em seus verdadeiros paraísos, em função desses investimentos, movimentação das obras e previsão de perspectiva de desenvolvimento a exemplo do que outrora aconteceu com as cidades dos grandes centros do país, mais especificamente Rio e São Paulo, vem atraindo e recebendo retirantes, imigrantes sem qualificação profissional ou mão de obra desclassificada e desqualificada, do tipo“vamos tentar a sorte, matar a fome e fazer fortuna e voltar pra nossa terra” provocando o inchaço da população flutuante nas cidades e dando inicio a um iminente processo de favelização de cidades verdadeiros paraísos naturais como temos no Sul Fluminense de Paraty ao norte em Campos dos Goytacazes.

Polo Petroquímico de Itaboraí pode gerar 160 mil novos empregos 

 Polo Petroquímico de Itaboraí pode gerar 160 mil novos empregos

O complexo deve atrair mais de 700 empresas no setor de plásticos e injetar mais de R$ 13 bilhões por ano na economia brasileira. Cristiano Prado, gerente da Firjan, fala sobre as oportunidades.

Bom Dia Rio | Última atualização: 28/05/2008 06h30

 

 Falta de mão-de-obra qualificada deixa vagas ociosas em todo o país 

A Federação das Indústrias do Rio fez uma pesquisa em fábricas: 60% informaram que querem aumentar o quadro de funcionários, mas 53% das firmas disseram que não conseguiram preencher postos.

Jornal Nacional | Última atualização: 2 horas e 10 minutos atrás > 11/07/2011


O processo de favelização do estado vem se desenvolvendo nas áreas nobres de norte a sul, com a omissão, conivência e cumplicidade das autoridades locais, em troca de voto, ao longo da BR 101, por exemplo, Rio Santos, em determinados trechos que já estão favelados, onde os marginais, a escória, já derrubou a mata atlântica e construiu prédios, comércios as margens da rodovia, sobretudo na região da Costa Verde de Angra dos Reis, Mangaratiba a Itaguai que por ser área nobre, balneários e muitos condomínios, com a irresponsabilidades, tolerância da escória nacional, os parasitas da sociedade, os nossos corruptos e desonestos canalhas, políticos nacionais, que só estão preocupados em roubar, praticar falcatruas e ganhar os votos que essa outra ralé, escória desclassificada sem qualificação profissional trás, permitiram o crime ambiental, o desmatamento e a construção de pequenas cidades em encostas e área de risco ao longo da rodovia nas áreas nobres. O que não deve estar muito diferente na região dos Lagos, onde existem muito mais investimentos que na Costa Verde.

Superporto do Açu, São João da Barra, RJ, Litoral Norte

Localizado no município de São João da Barra, na região norte do Estado do Rio de Janeiro, o Complexo do Superporto do Açu é atualmente o maior investimento do Brasil em infraestrutura portuária.
O porto contará com dez berços de atracação, sendo quatro para minério de ferro, dois para movimentação de petróleo, um para carvão, e três para produtos siderúrgicos, escória, granito e ferro-gusa. Com uma profundidade de 21 metros, o Superporto do Açu permitirá a atracação de navios Capesize com capacidade de até 220.000 toneladas. 

 

Além dos megas investimentos como pólos petroquímicos, portos, usinas, complexos empresariais, existem uma gama de outros investimentos recentes e necessários visando viabilizar os eventos que o Rio vai sediar como a partir do dias 16 deste mês de julho os 5º JOGOS MUNDIAIS MILITARES DO CISM RIO 2011, depois sedia a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, isso no elenco de mega eventos, por isso mesmo alguns projetos empresariais já foram implementados e concluídos e outros estão em fase de construção e conclusão.

 

No elenco de investimentos empresariais a Cia Siderúrgica do Atlantico (CSA) recentemente inaugurada no bairro de Santa Cruz com investimento de US$ 14, bilhões, o Complexo Empresarial e Industrial de São Gonçalo RJ em fase de construção e os Armazéns - DM Brasil Negócios em fase construção próximo ao Aeroporto Internacional do Rio, as margens da Linha Vermelha. 

 

No elenco de obras estruturais, então em fase de construção a Linha 4 Amarela do Metrô do Rio que ligará Ipanema na Zona Sul ao Jardim Oceânico na Barra da Tijuca na Zona Oeste, a revitalização da zona portuária do Rio de Janeiro, as três novas Vias Expressas para desafogar o trânsito nas zonas oeste e norte, TRANSOESTE, TRANSCARIOCA, TRANSOLÍMPICAProjetos MORAR CARIOCA,BAIRRO CARIOCA, já em fase construção. Veja o vídeo e acompanhe diariamente online a evolução das obras.

  

 Estudantes ensaiam para abertura dos Jogos Mundiais Militares

Entre 16 e 24 de julho, atletas vão competir em 20 modalidades esportivas. Mil e duzentos alunos de escolas públicas do Rio vão participar da cerimônia de abertura do evento. Eles representam os sonhos de paz.

RJTV 2ª Edição | Última atualização: 3 horas e 52 minutos atrás > 02/07/2011

 

No entorno da cidade do Rio de Janeiro, região do Grade Rio, estão em andamento ou em fase de conclusão outras obras estruturais, o Arco Metropolitano, com 145 Kms de extensão que ligará a Região dos Lagos, no litoral norte, desde Rio Bonito ao litoral sul fluminense na Rodovia Rio Santos Costa Verde, no Porto de Itaguai, cortando a BR-040, Rio Vitória, Rio Bahia, Via Dutra e terminando na Rio Santos e a expansão da Via Light que será estendida até a Transcarioca no bairro de Madureira fazendo a interligação da Baixada Fluminense com a Zona Oeste do Rio, Zona Norte e Centro.

 

O fato é que o Estado do Rio de Janeiro está a todo vapor visando não só atender a demanda de obras para viabilizar a Copa do mundo 2014 e as Olimpíadas RIO 2016, que também demandarão grandes obras, em fim um conjunto de obras que sediará o centro de transmissão dos eventos para o mundo, as instalações para abrigar e gerir a direção da Fifa e do Comitê Olímpico Internacional, construção de prédios para instalações da infraestrutura acministrativa e divulgação dos eventos, Vila Olímpica, estádios de Atletismo e outros.

 

No elenco de obras de revitalização embelezamento e melhorias surgem também obras ocasionais como a nova sede da CBF o novo centro de treinamento e administrativo que coincide com as obras de embelezamento e revitalização da cidade, que andava precisando mesmo de uma repaginada, uma maquiagem, uma reformas geral já que em alguns setores está bem desgastada a anos, o caso da região do cais do porto que foi implementadas as obras do Porto Maravilha, ou Porto Olímpico obras em andamento; as obras de revitalização da Zona Portuária; a criação do Museu de Arte do Rio (MAR) na Praça Mauá no centro, que será instalado no prédio histórico e centenário na Praça Mauá o Palacete Dom João VI - prédio de estilo eclético construído em 1916 e tombado pelo município e no edifício ao lado, antigo endereço do Hospital da Polícia Civil. Com orçamento inicial de R$ 43 milhões, a iniciativa é uma parceria da prefeitura com a Fundação Roberto Marinho; a construção no Pier Mauá do Museu do Amanhã, também na Praça Mauá; a construção da nova sede do Museu da Imagem e do Som (MIS), em em Copacabana onde era a Boate Help. Fechando com a construção, em fase final, da Cidade da Arte ou Cidade da Música no Cebolão do Jardim Alvorada na Barra da Tijuca ao final da Linha Amarela.

 

As oportunidades, como vimos, estão no Rio de Janeiro, é a maior demanda de mão-de-obra no país, perderam muito tempo mas agora foi tudo de uma vez e não só em função do momento de desenvolvimento econômico do país, mas também pelos mega eventos que a cidade e o estado sediarão, como os já citados, a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíada de 2016, e a partir do dia 16 desse mês o Rio será sede dos 5º JOGOS MUNDIAIS MILITARES DO CISM RIO 2011.

 

 

Enquanto isso, o desenvolvimento econômico que enseja o país nesse momento, encontra obstáculos como falta de mão-de-obra qualificada, capacitada, em todos os setores, para dar prosseguimento e ensejar esse desenvolvimento, que já está sendo desacelerado motivado por essa mesma falta de mão-de-obra qualificada sobretudo nas áreas técnicas estratégicas e energética, como petróleo e gás.

 

CSA - Cia Siderúrgica do Atlântico Mega Obra - A maior do país

 

Como se não bastasse o nosso PIB não poder crescer mais que 5% ao ano porque o país não possui a infraestrutura necessária para escoar a produção, já que a mais de 10 anos, não se investe em estradas, portos, aeroportos, se fez muita fanfarra, bravata, mentira, enganação e engodo mas investimento mesmo que era bom, não se fez nada, se preferiu fazer superávit primário, ou seja, usando uma técnica do antigo presidente que gostava de metáforas, “deixou-se de fazer as compra pra casa, de pagar a conta da luz, da água, reformar a casa, para ficar com dinheiro no ‘bolso’, se gabando que estava rico, emprestando dinheiro do país a amigos tiranos e canalhas, deixando a conta bancária com bom saldo”, mas com a casa caindo aos pedaços, gastando o que não tinha, reeditando a inflação, com uma imensa dívida interna e externa. Essa é a estratégia dos imorais e mentirosos.

Superporto Sudeste em Itaguaí, Costa Verde, Litoral Sul do RJ

O Porto Sudeste é um terminal privativo de uso misto localizado no município de Itaguaí, Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro, próximo ao porto público de Itaguaí. Com uma profundidade de 21 metros, o Porto Sudeste poderá receber navios capesize, e será utilizado para embarque de minério de ferro.

  

Portanto não adianta se produzir safra recordes e perder a metade dos grãos na colheita e no transporte até os silos de armazenagem ou os portos ou não se ter como escoar essa produção nem exportar por falta de portos e aeroportos. 

Grupo EBX investe no RJ 

Grupo EBX está envolvido em diversas iniciativas de revitalização e valorização do Rio de Janeiro. Participa ativamente da recuperação da Lagoa Rodrigo de Freitas, oferece apoio ao Programa de Pacificação das Comunidades e está reformando o Hotel Glória - que será reinaugurado como Glória Palace.

 

Um país que já possui uma capacidade de gerenciamento, armazenamento, escoamento e exportação muito baixa e por isso não consegue crescer mais de 5% do PIB, agora não podemos acelerar o desenvolvimento econômico porque esbarramos numa deficiência de mão-de-obra qualificada. As empresas estão mandando buscar mão-de-obra no exterior, brasileiros sobretudo ‘Dekasegis’ no Japão ou mandando formar profissionais nos USA, Europa e Ásia, porque a grande maioria de mão-de-obra do país é insuficiente ou não qualificada, tem vícios, excessos de regalias e querem poucos deveres e obrigações.

 

Os políticos nacionais criam impostos e colocam na conta da sociedade e das classes produtoras para pagar a conta elevada de uma carga tributária nunca inferior a 40% do PIB e do preço de todos os produtos comercializados e de tudo que se ganha, para garantir os pagamentos dos juros da dívida, mas sobretudo garantir os altíssimos salários, mordomias e falcatruas praticadas pela classe mais corrupta, imoral, desonesta e cara do mundo, a classe política brasileira, uma corja, escória que consome uma boa porcentagem de tudo que se produz no país.

 

Aliado a isso os empresários e a sociedade que são quem pagam a conta por todos esses desmandos e os empresários tem contra si, além das leis escorchantes, mordomias de políticos, nenhum apreço pela classe que carrega o país e os parasitas nas costas, temos as máfias de marginais, aliados de políticos, ditos “movimentos sociais” verdadeiras quadrilhas que também promovem a “farra do boi” com dinheiro público, ‘cedido’ por políticos para não os tê-los como oposição, e esses bandidos como ‘Movimento de vagabundos sem terra’, entidades sindicais, essas verdadeiras máfia de bandidos, não para negociar salários e melhores condições de trabalho para as categorias, mas para extorquir os empresários em horas impróprias provocando greves reivindicando melhorias, maiores salários, ou uma negociação esdrúxula, um acerto, entre patrão e dirigentes sindicais e os trabalhadores da categoria que se lixem.

 

Essa é uma prática corriqueira que vem sendo praticada a anos, denunciada pela imprensa, mas que os dirigentes políticos se fingem de mocos e não ouvem, não fiscalizam e liberam verbas para supostamente promover “cursos de capacitação de trabalhadores”, para as centrais sindicais e sindicatos, sobretudo em São Paulo, onde essas máfias transformaram em seu paraíso e se estabeleceram, se proliferaram e fazendo história, quase faliu o ABCD, provocando uma debandada de empresas da região em busca de outros estados sem tanta “força mafiosa sindical” pra lhes extorquir e viver de falcatruas e negociatas, se matando entre si em busca de assumir os cargos que rendem grandes quantias e a divisão do produto de suas falcatruas, é o que temos lido na imprensa diariamente desde a década de 80 e no que se transformou o sindicalismo paulista, máfias, com crimes, extorsões, assassinatos, prisões, desvios de verbas.

 

Assim é o Rio e os cariocas, irreverentes, criativos, extremamente inteligentes, acima da média, dá seu jeito, se vira, podre de chic, cada flash um cartão postal e cada vez mais maravilhoso.

23
Abr11

E o Rio de Janeiro, continua lindo ...

olinguarudo

 Atualizado em 05/05/2011 14h39 

Vídeo sobre a cidade do Rio de Janeiro, mostrando suas belezas naturais, recantos e jeito de seus povo, irreverente, gozador e hospitaleiro.
Trilha sonora: 
Samba Enredo do Acadêmicos do Salgueiro de 2008

Um Sambão desses que o carioca costuma fazer em todos os carnavais para sacudir a Sapucaí e o Salgueiro é mestre nisso e tem vários.

Puxador Quinho

Letra:

Canta meu Salgueiro!
Um "Rio de Amor" vai desaguar
Meus versos vêm no "Tom" da Poesia
Da beleza que irradia
E fez o lusitano se encantar
Paraíso de riquezas naturais
Coração do meu país
Seduzindo a nobreza
Terra de gente Feliz
Chega a Família Real
Dando um charme especial
O porto agita a Praça Mauá
Onde a semente do samba se fez brotar
Eu sou o Rei da Boemia
Carioca, sou da Lapa, patrimônio cultural 
(bis)
E me banhei de alegria, tiro onda, dou meu jeito
Minha Vida é um carnaval

Divina obra-prima pra se admirar
Entre morros e ladeiras
A brisa embala as ondas do mar
Essa gente tão cheia de graça
O turista que leva saudade
E o redentor abençoando
Maravilhosa cidade
O Suburbano improvisando muito bem
Vai batucando na lotada ou no trem

E deixa o sol bronzear
No calor do meu Salgueiro
Eu sou raiz desse chão (bis)
E canto a minha emoção
Salve o Rio de Janeiro  

 

Dando uma repassada, percorrendo a cidade, para ver como vai o Rio de Janeiro, constatamos que mais do que nunca essa cidade é um esculacho, uma humilhação para as gordas, feias e bestiais, amebas, acéfalas e desprovidas de inteligencia.

 

O Rio de Janeiro está se transformando num canteiro de obras, recebendo investimentos e geração de empregos de grande vulto. Unindo o útil ao agradável que é de se trabalhar na cidade onde o mundo inteiro adoraria passar as férias.

 

E cada vez está ficando melhor, existe uma cultura entre os governantes cariocas, apesar de alguns poucos que só assumiram para se locupletar e nada fizeram, mas a grande maioria se elege e quer deixar sua marca, é numa competição acirrada, desde o século XIX, quando eles promovem obras importantes para a população e a cidade, deixando a marca da praticidade, viabilidade e beleza latente e exuberante.

O governador Carlos Lacerda, no final da década de 1950, resolveu aterrar o mar, construir

Parque do Flamengo, oficialmente Parque Brigadeiro Eduardo Gomes, mas conhecido popularmente por Aterro do Flamengo (ou simplesmente "O Aterro"), é um complexo de lazer no Rio de Janeiro, Brasil, construído sobre aterros sucessivos ao longo da baía de Guanabara conhecido como praia do Flamengo .

parque estende-se do Aeroporto Santos-Dumont, no centro da cidade, ao início da Praia de Botafogo, na Zona Sul, tendo sua maior parte ao longo da Praia do Flamengo. Entre os elementos do complexo, destacam-se o Museu de Arte Moderna, o Monumento aos Pracinhas, a Marina da Glória, o Monumento a Estácio de Sá, uma via expressa, áreas destinadas à prática de esportes, um restaurante e uma faixa de areia na Praia do Flamengo.

Em sua configuração atual, o parque foi inaugurado em 1965, com 1.200.000 metros quadrados. Fonte: Wikipedia.org.


O maior parque urbano do mundo, a via expressa, Av Infante Dom Henrique, que inicia no término do Elevado da Perimetral, desta forma ele estaria interligando o centro a zona sul em Copacabana e por conseguinte, pelo Elevado da Perimetral o centro e a zona sul à centro a zona norte no bairro do Caju interligando com a Ponte Rio-Niterói, a Av Brasil e as Linhas Amarela e Vermelha, desafogando e viabilizando o transito na cidade só ai entre cinco vias expressas, outra mania, obsessão de carioca, as Vias Expressas e se não fosse por elas, em abundancia no Rio, o trânsito carioca jpa estaria a mesma bestialidade, anomalia animalesca que é o trânsito de São Paulo.

 

Obras do corredor expresso Transcarioca são iniciadas 

Dois clicks no meios do vídeo e veja mais no ábum do Sapo.pt

Quinta-feira, 17/03/2011

As primeiras modificações começaram a ser feitas em Campinhos.. Segundo a prefeitura, o trajeto entre a Ilha e a Barra passará a ser feito em uma hora. Na Barra, as obras da Transoeste ainda não começaram.

 

O Atual governo iniciou as obras recentemente e vem ai mais três vias expressas para o Rio, uma marca, uma obsessão carioca, as vias expressas. E não são só simples obras, eles sempre aproveitam para aliar obras com embelezamento da cidade, deixar a marca registrada, criar mais pontos turísticos com a marca do governante e depois de pronto todos, cariocas e turista querem ver a beleza, a plástica, esse é o segredo do Rio ser belo, tão atraente como é, e ter tantos pontos turísticos. Comoparando as outras cidades do país, nós cariocas demos muita sorte, apesar dos pesares, mas a maioria dos digirigentes políticos que passaram pelo Rio, amavam e se didicavam seriamente a esssa cidade. Além de serem homens inteligentes, mentes abertas e terem visão de futuro, desde a época do império, o projeto da Linha Vermelha, por exemplo, é de Dom Pedro II e o que esse homen criou de beleza, estátuas, obras de arte e bustos distribuidos pela cidade, a Ilha Fiscal no meio da baia de Guanabara que dá pra ir a pé ou de carro com a ponte que ele mandou cosntruir.

Getulio Vargas foi outro, em 1940 construiu a Av Brasil com 58 kms de extensão do centro, na Rodoviária Novo Rio, à zona oeste, o Rodoanel carioca, todas as Rodovias terminam ou começam nela, chamaram o homem de maluco, já que na época nem exisitia tantos veículos no Rio.

Carlos Lacerda foi mas audacioso e determinado, aterrou o mar e construiu o maior parque urbano do mundo, o Aterro do Flamengo, com a Av Infante Dom Henrique, via expressa que liga o Elevado da Perimetral, que liga o Centro da cidade ao bairro do Caju na zona norte à Copacabana na zona sul carioca, isso na década de 50.

Depois vieram outros, como Faria Lima, Negrão de Lima, Cesar Maia que realizou grandes obras resolvendo gargalos seculares e é o criador da Cidade do Samba.

Leonel de Moura Brizola, polêmico e autoritário, não admitia que ninguem brlhasse a sua volta, expulsou do PDT todos os políticos que se notabilizaram e se destacaram, como Marcelo Alencar, Cesar Maia e outros, só ficou Miro Teixeira ex chaguista da escola do jornalista e dono do Jornal O Dia, Chagas Freitas. Com seu fiel escudeiro, estremamente inteligente, o antropólogo Darci Ribeiro, criaram os CIEPS, apelidaddo pelo carioca de  'Brizolões' a maior obra e obsessão de Brizola o sambógromo e a Linha Vermelha.

Cesar Maia que pra não ficar pra trás construiu a Linha Amarela que liga a zona norte na ilha do fundão, na Linha Vermelha a Barra da Tijuca e a Cidade do Samaba entre outras, todas obras inteligentes qeu resolveram algum problema crônico da cidade.

O atual jovem prefeito Eduardo Paes e o governador do estado Sérgio Cabral Filho, estão com um projeto de revitalização do Rio, das áreas degradadas como o Santo Cristo, a Gamboa na Zona Portuária e remodelando o porto, dando destinação a uma infinidade de armazens abandonados que deixaram a áera como uma cidade fantasma. Cesar Maia deu início criando a Cidade do Samba e os atuais governantes estão remodelando o cais do porto, o Pier Mauá e o entorno da região.

 

As novas vias expressas do Rio: 

Trancarioca com 39kms de extensão vai ligar o Terminal Alvorada na Barra da Tijuca, zona oeste, ao Aeroporto Internacional Tom Jobim na Ilha do Governador zona norte do Rio e as obras já iniciaram. 

 

Transoeste com 38kms de extensão vai ligar o Jardim Oceânico na Barra da Tijuca, zona oeste, a Campo Grande passando por Santa Cruz também na zona oeste.

 

Transolímpica com 23 kms de extensão vai ligar o Terminal Alvorada na Barra da Tijuca a Deodoro na Vila Militar zona oeste.

13
Abr11

O Rio está na moda e tudo converge para o estado, de investimentos a entretenimento

olinguarudo

Terça-feira, 05/04/2011

Complexo petroquímico tem investimento de R$ 8 bilhões em Itaboraí

O empreendimento já começou a mudar a vida de muitas pessoas. Treinamento de trabalhadores, vagas para empregos, valorização de mão de obra local são algumas das vantagens.Bom Dia Rio | Última atualização: 05/04/2011 06h3

 

"Velozes e Furiosos 5" investe em cenas de violência no Rio

...de Janeiro, 13 abr (EFE).- "Velozes e Furiosos 5" aquece os motores para a premi...ao elenco do filme, rodada em Porto Rico e no Rio de Janeiro. "Velozes e Furiosos 5" destaca-se pelas filmagens de...G1 | Última atualização: 4 minutos atrás

 

Elenco de 'Velozes e furiosos 5' visita o Pão de Açúcar, no Rio

G1 | Última atualização: ontem

 

  

1. Velozes e Furiosos - Elenco - Paul Walker e The Rock visitaram Pão de Açúcar e outros pontos turístico no Rio de Janeiro - Foto Dilson Silva-AgNews

2. A atriz Jordana Brewster de Velozes e furiosos visitou o Pão de Açúcar nesta terça-feira (12.04). Ela está na cidade para lançamento do 5º filme da série que acontece nesta quinta (14.04) e para filmar novas cenas - Foto Dilson Silva-Ag News

 

Nos últimos tempos o rio é o bola de vez, é feio, pobre mas esta na moda e todo mundo está correndo pra cá, investindo e procurando aliar o útil ao agradável, trabalhar numa cidade aprazível e onde se pode desfrutar o que de melhor papai do céu deixou para a humanidade.

 

Por isso mesmo está atraindo de investimentos como a CSA - Cia. Siderúgica do Atlântico, a maior da América Latina, inaugurada recentemente;

O Polo Petroquímico de Itaboraí, O Porto do Açu o Porto do Sudeste.

 

Inauguração da Cia Siderúrgica do Atlântico em Santa Cruz no Rio

Ao lado do presidente Lula e do governador Sérgio Cabral, o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), deputado Jorge Picciani, participou nesta sexta-feira, dia 18 de junho, da inauguração da Thyssenkrupp CSA - Companhia Siderúrgica do Atlântico.

 

Construção de polo petroquímico leva pequenos negócios para Itaboraí 

Globo Repórter >> Sexta-feira, 11/02/2011

Seis mil trabalhadores começam a erguer construções. Até o fim do ano, serão 12 mil. No auge das obras, em 2012, serão 25 mil trabalhadores. Grande empreendimento acaba cercado por negócios menores.

 

Projeto Porto Sudeste em Itaguai Região da Costa Verde, Rio-Santos 

Decisão Rio - Projeto Porto Sudeste
Descrição: O Porto Sudeste, estrategicamente localizado no município de Itaguaí, no Estado do Rio, é uma opção logística aos produtores de minério de ferro de Minas Gerais.
Tipo: Investimentos Rio

Mais uma iniciativa do Grupo EBX do empresário mineiro/carioca adotado Eike Batista.

 

Porto do Açu em São João da Barra Norte Fluminense  

 Superporto do Açu

Localizado no município de São João da Barra, na região norte do Estado do Rio de Janeiro, o Complexo do Superporto do Açu é atualmente o maior investimento do Brasil em infraestrutura portuária.
O porto contará com dez berços de atracação, sendo quatro para minério de ferro, dois para movimentação de petróleo, um para carvão, e três para produtos siderúrgicos, escória, granito e ferro-gusa. Com uma profundidade de 21 metros, o Superporto do Açu permitirá a atracação de navios Capesize com capacidade de até 220.000 toneladas.

 

Pensamentos pertinentes:

  • Enquanto os cães ladram a caravana passa;
  • Se der ouvido aos cães que ladram em meu caminho, jamais atingirei meus objetivos;
  • As feias que nos desculpem mas beleza é fundamental (Vinicios de Moraes o poetinha, carioquíssimo)

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D