Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Linguarudo

Orgulho de ser brasileiro, mas sobretudo carioca, um estado de espírito, um estilo de vida, nascido em Madureira no Rio, capital do samba, flamenguista e Beija-Flor de Nilópolis; sincero, franco, sem papas na língua, marrento, fala o que sente na lata

Orgulho de ser brasileiro, mas sobretudo carioca, um estado de espírito, um estilo de vida, nascido em Madureira no Rio, capital do samba, flamenguista e Beija-Flor de Nilópolis; sincero, franco, sem papas na língua, marrento, fala o que sente na lata

O Linguarudo

30
Ago11

Episódios do bonde de Santa Teresa, bueiros, retratam a realidade do desleixo público no Rio

olinguarudo

Atualizado em 31/08/2011 13h04

Repórteres mostram como é feito o trabalho de manutenção dos bondes

 

 Repórteres mostram como é feito o trabalho de manutenção dos bondes

Dos 14 bondinhos, só dois estão em condições de circular. O governador do Rio de Janeiro ainda não se pronunciou sobre a tragédia.

RJTV 1ª Edição

Engenheiro constata riscos nos trilhos do bonde de Santa Teresa 

 Engenheiro constata riscos nos trilhos do bonde de Santa Teresa

No percurso, há calçadas estreitas e trilhos desnivelados. Também há mato e galhos de árvore na rede elétrica que abastece o sistema. Só em agosto, o veículo acidentado esteve 13 vezes na oficina.

RJTV 1ª Edição

 


 Cabral admite que frota de bondes está sucateada

O governador disse que o Estado não vai fugir da responsabilidade com as vítimas do acidente. Segundo o interventor, em 15 dias será apresentado um relatório com tudo o que precisa ser feito.

RJTV 1ª Edição

 

No estado que vem recebendo os maiores investimentos econômicos públicos e privados do país, que vem implantando plantas de Pólo Petroquímicos, mega portos, mega distritos industriais, se transformou no pólo de atração e visibilidade do mundo, canteiro de obras de revitalização e viabilidade como a mega obra de 145 kms de estrada do Arco Metropolitano, as obras das TransOeste, TransOlímpica e TransCarioca, Porto Maravilha, Revitalização da zona portuária, Via Light, Polo Petroquímico de Itaboraí, infelizmente as ações governamentais, o trato com a coisa pública, e as noticias que se Le e vê no noticiário, são deprimentes e recomendam mal, depõe contra e vai em sentido contrário ao volume desses investimentos e desenvolvimento todo.

Além de que o Rio é sujo, se vê lixo no meio das ruas, nos gramados lindos do Aterro do Flamengo, Quinta da Boa vista e em tudo que é lugar, também tem uma maioria de sua população gente que invadiu a cidade, sem condição de criar e educar um cachorro, tem uma renca de filhos, porcos, imundos, vândalos, arruaceiros, trazem seus costumes e maus hábitos se juntam em guetos e favelas e sujam a cidade toda jogam lixo nas ruas nos encostos das favelas onde moram como estavam acostumados a fazer lá nos chiqueiros onde viviam.

Também é uma característica da maioria dos cariocas e consequentemente de seus governantes, dirigentes políticos, fazer obras, reformar, preservar, fazer manutenção de prédios, canalização de gás, água, esgoto, transporte público como trem, ônibus, fiscalização de parques de diversão, brinquedos públicos, tudo nas ‘na coxas’, com omissão, enrolação, mentiras e irresponsabilidade extrema de governantes, dirigentes e gestores públicos cariocas. Tanto assim que percebendo esse lado do carioca, que salta aos olhos, é flagrante existe uma gíria paulista que quando alguém faz alguma coisa de qualquer maneira ou irresponsavelmente, eles dizem ‘fulano fez uma cariocada e olha no que deu’ quer dizer o que nós cariocas dizemos olha a m.. que ele fez, os paulistas, com razão dizem ‘olha a caricoada que ele fez’.

E é por isso que a cidade onde tem os maiores eventos do país, recebe o maior número de turistas do país, está recebendo o maior volume de investimentos públicos e privados para revitalização e implantação de mega empresas, portos e plantas empresariais, infelizmente por causa dessa irresponsabilidade governamental que nós temos a tristeza de ver, Barcas velhas de 1960 sem manutenção a deriva e com acidentes na baia de Guanabara, o povo andando nos trilhos com trens velhos enguiçados, lixo para transportar pessoas que não servem para transportar bichos, vemos bueiros explodindo em toda cidade, nos bares nobres da zona sul, matando e causando acidentes graves em turistas que vem visitar a cidade, bondinho de Santa Tereza sem manutenção a anos matando e acidentando gravemente turistas, parque de diversões sem manutenção de brinquedos porque a fiscalização pública é corrupta e proporciona essa anarquia irresponsável.

Estamos esperando ainda quando teremos governantes sérios em nosso estado e cidade maravilhosa para fazer as coisas funcionarem como devem serem feitas com zelo e responsabilidade com a coisa pública.

Agora "depois da casa Arrobada" estão tomando várias medidas que ja deveriam ser tomadas antes, e é sempre assim, nas barcas, nos tres, nos birnquedos e parques de diversão, na praia, no carnaval, primeiro tem que acontecer uma tragédia pra depois tomarem as medidas certas.


 Quinze pessoas envolvidas no acidente em Santa Teresa permanecem internadas

A maior parte dos feridos no acidente chegaram com cortes e fraturas. Os familiares das vítimas reclamam da demora das autoridades em darem assistência.

RJTV 1ª Edição


 Sobreviventes falam sobre o acidente com o bonde de Santa Teresa

O Ministério Público abriu um inquérito para investigar a causa da queda do bonde. O sobrevivente Radamés relata o exato momento do acidente, quando o bonde não conseguiu frear.

RJTV 1ª Edição


 Bonde bateu em ônibus horas antes de ter acidente em Santa Teresa

O sistema de bondes vai continuar parado por tempo indeterminado.

Segundo um mecânico, o sistema de freio do bonde foi atingido por um ônibus horas antes da tragédia.

O Crea acredita que uma falha nos freios causou o acidente.

RJTV 2ª Edição

 

 Turistas e moradores lamentam falta de bondes em Santa Teresa

A circulação foi suspensa logo depois do acidente de sábado (27), o terceiro em menos de dois anos.

A Secretaria de Estado de Transportes anunciou que vai conduzir um plano de modernização dos veículos.

Moradores dizem que já pediram a reforma.

RJTV 2ª Edição

 

 Sindicato cria comissão para acompanhar perícia em bonde

...cidade do mundo é a prefeitura que cuida", afirmou o governador em entrevista concedida à TV Globo em 17 de agosto de 2009.

Ao RJTV, o secretário Julio Lopes disse que há uma vontade de municipalizar esse serviço, mas questões trabalhistas, passivos do...

G1

20
Mai11

Se não revogarem as leis fascistas, demagogas e não tomarem providencias sérias o crack vai devastar a sociedade

olinguarudo

Atualizado em 25/05/2011 13h34 

Operação tenta combater o consumo de crack no Jacarezinho 

Rodrigo Pimentel, ex-capitão do BOPE, que deu origem ao personagem Capitão
Nascimento nos Filmes Tropa de Elite I e II, consultor de assuntos sobre crimes
da Globo, comenta sobre os locais das carcolândias e como diminuí-los
RJTV 1ª Edição RJTV 1ª Edição > Quarta-feira, 25/05/2011

Sessenta adultos e 16 adolescentes foram recolhidos no Jacarezinho. A operação da prefeitura teve o apoio da Polícia Militar e da Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente.

 Operação tenta combater o consumo de crack no Jacarezinho

Sessenta adultos e 16 adolescentes foram recolhidos no Jacarezinho. A operação da prefeitura teve o apoio da Polícia Militar e da Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente.

RJTV 1ª Edição

Mãe recorre à justiça para tentar salvar filho da dependência química 

RJTV 1ª Edição RJTV 1ª Edição > Sexta-feira, 20/05/2011

Após quatro anos vendo o filho se destruir usando cocaína e crack, a mãe de um jovem dependente químico resolveu recorrer à justiça para interná-lo em uma clínica. Ela chegou a ser agredida por ele e tentou vários tratamentos em vão.

Após quatro anos vendo o filho se destruir usando cocaína e crack, a mãe de um jovem dependente químico resolveu recorrer à justiça para interná-lo em uma clínica. Ela chegou a ser agredida por ele e tentou vários tratamentos em vão.
RJTV 1ª Edição
Polícia faz operação em cracolândia na região da Central do Brasil

Quem dá as esplicações técnicas é Rodrigo Pimentel, consultor de assuntos de crime da Globo Rio, nada mais que o ex-Capitão do BOPE, que deu origem ao personagem 'Capitão Nascimento' dos Filmes 'Tropa de Elite'

RJTV 1ª Edição RJTV 1ª Edição > Quinta-feira, 19/05/2011

É oferecido tratamento a todas as pessoas detidas. Foi encontrado até veneno de rato, que era misturado à droga. Um homem dormia num buraco na Avenida Presidente Vargas.

 Polícia faz operação em cracolândia na região da Central do Brasil 

É oferecido tratamento a todas as pessoas detidas. Foi encontrado até veneno de rato, que era misturado à droga. Um homem dormia num buraco na Avenida Presidente Vargas.

RJTV 1ª Ediçã 

 

A desgraça do crack está se alastrando por todas as cidades do país e com um efeito devastador, porque ele vicia na primeira vez que a pessoa experimenta, corrói p cérebro e os neurônios, e o que se vê são pessoas vegetando sem saber quem são e para onde vão. Aliás, pelos depoimentos na matéria, o que disse a mola da chupeta, eles não querem ir pra lugar nenhum, “quem está perdido não procura caminho” e eles não querem nem ajuda. É deprimente, desagradável se ver o que a droga está fazendo com a sociedade. E ainda vemos alguns canalhas fazendo passeatas para a sua legalização e liberação do plantio.

 

Se os canalhas que liberamra e criaram essa situação não tomarem decisões sérias em relação a desencorajar, inibir, combater e reverter o uso de drogas, o crack sobretudo, vais devastar a sociedade brasileira, que antes era um problemas dos grandes centros, hoje está alastrado por todo país inclusive no interior e até entre os agricultores.

19
Mai11

Legislação fascista + políticos demagogos + famílias desestruturadas e irresponsáveis = proliferação da marginalidade juvenil

olinguarudo
Jornal Hoje Jornal Hoje > Quarta-feira, 18/05/2011

O crime aconteceu em uma escola em Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo. As meninas tinham 13 anos. Os corpos foram encontrados nove dias depois do sumiço delas. A polícia acusa o namorado de matar as meninas.

 

Gravidez indesejada por ter sido a causa do assassinato de duas jovens em São Paulo

O crime aconteceu em uma escola em Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo. As meninas tinham 13 anos. Os corpos foram encontrados nove dias depois do sumiço delas. A polícia acusa o namorado de matar as meninas.

Jornal Hoje

 

Legislação fascista e permissiva + políticos demagogos + famílias desestruturadas e irresponsáveis = proliferação da marginalidade juvenil

 

Com Leis demagógicas que incentivam a prática de crimes, na medida em que torna o menor inimputável de crime.

 

No mundo civilizado, onde as pessoas possuem mais cultura, estudam mais, lêem mais, e tem um tipo de vida completamente diferente da realidade de favelas brasileira, com aprofundamento de estudos sociológicos e psicológicos do ser humano de tidos as faixas etárias, uma adolescente britânico que está preocupado com seu futuro o curso superior que vai fazer, nada a ver com baile funk e cocotinhas e poposudas. Onde o menor criminoso é imputável sim de crime, condenado, tem sua cara mostrada em jornais e TV, e é encarcerado como outro bandido qualquer.

 

Na Inglaterra um garoto de 9 anos, foi condenado a 90 anos de prisão porque matou um outro garoto de 2 anos no carrinho com um taco de basebol.

 

No Brasil um marginal inveterado, irrecuperável, esta preso no Instituto Padre Severino na Ilha do Governador no Rio ou na Fundação Casa em São Paulo, ou em qualquer instituição do Brasil, com 17 anos, mais de 30 passagens por roubo, tráfico, assalto, latrocínio e ele é uma criança que estamos tentando recuperá-lo e tem um aparato em seu favor, psicólogos, terapeutas, educadores, instrutores, aulas de educação esportiva, artística, dança, música, arte.

 

Essas excrescências, a nossa classe política, estão sempre na contra-mão da lógica, investem sempre no criminoso nunca na prevenção e no cidadão cumpridor de seu deveres. Esses eles querem que morram, mas antes paguem os impostos para eles desfrutarem, da pra vomitar quando nos deparamos com um político brasileiro.

 

Um cidadãozinho, estudante, pobre, cumpridor de seus deveres, que nunca se envolveu com crime e drogas, mora lá no interior de Japeri na Baixada Fluminense, quando os país tem dinheiro pega um ônibus bem cedo pra entrar na escola longe as 07h00 da manhã, e sai as 11h00 e retorna pra casa com fome. Seus país lutam com dificuldade, não podem dar uma alimentação adequada, onde eles moram não existe, o que existe o que os governos colocaram nos complexos de favelas do Alemão, Rocinha e Cantagalo, como biblioteca, ginásios poliesportivos, quadras esportivas, cinema, aulas de arte cênicas, microcomputadores, instrutores de prática esportivas. Ele está condenado a só se aproximar disso depois que pegar um trem e andar no mínimo 30kms e chegar a Nova Iguaçu, que talvez ele vá conseguir acesso e desfrutar de algumas dessas benesses que os moradores desses complexo de favela tem ou se ele cometer um crime, ai existe toda uma estrutura o aguardando. 

 

Notícias de uma Guerra Particular - parte 8/10

No início do vídeo o policial explicando, que "o elo entre cadeia e comunidade acabou", logo depois a voz, relatando as imagens dos bandidos feras dos anos 80, narrando que "as pessoas que viveram essa época ai ..." é o Carlos Gordo o maior ladrão de carros do Rio, morto em Niterói depois que saiu da cadeia e disse que tinha se regenerado.


Esse é um documentário real, com depoimentos reais de policiais e bandidos com imagens reais das favelas cariocas. O discurso desse preso idiota entrevistado pelo reporter, que diz que quer um 'tenis Mizzuno' é realmente o retrato e o que reflete o pensamento de toda essa escória nojenta. Tiveram todas as oportunidades que os filhos da Baixada Fluminense, por exemplo, não tiveram, oportunidade de estudar em boas escolas, se preparar para a vida, moravam em favelas próximo a tudo de bom e melhor no Rio, mas suas famílias nunca os incentivaram a estudar nem se preparar, foram criados largados dentro desses chiqueiros imiscuídos e convivendo intimamente com o crime e os criminosos desde criança, as imagens mostram isso, a realidade crianças brincando enquanto traficantes passam pelos becos armados ou com drogas. Hoje eles acham que quem conseguiu vencer na vida pelo seu trabalho, luta e perseverança, tem que dividir com eles. São e pensam iguais os políticos, cada um na sua área. 

 

O Brasil tem dessas demagogias, o governo e os políticos são uns canalhas, corruptos, desonestos, falcatrueiros que nenhum deles resiste a cinco minutos de investigação séria, mas que faz um arcabouço de leis de dar inveja aos países mais ricos do mundo árabe, tipo e característico dessa escória, vermes e dejeto humano que é a classe política brasileira. Exemplo clássico disso o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente). O país não da a sua contra partida a população em saúde, educação, habitação, estradas, infraesturtura, tudo isso é um lixo no país e quem depende desses serviços públicos sobretudo a saúde estão com o pé na cova porque nos hospitais, com emergências fechadas, com equipamentos sucateados, com falta de médicos e materiais básicos.

 

Enquanto que o cidadão que paga uma carga de impostos dos mais altos do mundo vê o dinheiro público em sua grande maioria escoar pelo ralo de esgoto, na medida que é destinado ao pagamento de a5º salário de políticos que não dão a contra partida a sociedade, todos eles só pensam diuturnamente em fazer leis para roubar mais e mais os cofres públicos, é a categoria que para ingressar nela, basta ser desonesto e vagabundo, não precisa ter diploma, qualificação profissional, como exigem as empresas privadas, qualquer desonesto, analfabeto, que seja um bom bravateiro, estelionatário e 171, que crie um argumento para enganar a maioria de analfabetos e idiotas que compõe a população brasileira, pronto, segundo eles “foi eleito legitimamente por sufrágio, vontade popular” e isso para essa quadrilha de estelionatários é o que basta e é sagrado.

 

Entretanto mordomias que essa quadrilha de desonestos ganha, votaram em seus próprios benefícios, é de fazer inveja também a qualquer deputado, senador ou primeiro ministro e a realiza britânica, cada parlamentar no Brasil tem mordomias e regalias que os lords não tem, são os políticos mais caros do mundo, e cada canalha, corrupto, trapaceiro, mensaleiro desses se sente um rei intocável.

 

Por outro lado a família brasileira além de uma maioria esmagadora de irresponsáveis desestruturadas, compostas por pais irresponsáveis que abriram mão da educação dos filhos e passaram a responsabilidade para a Babá, a empregada doméstica e até os professores são responsabilizados por alguns pelo grau de marginalidade de seus filhos e de prostitutas que são suas filhas, menores de 13 anos, envolvidos com drogas e práticas de crimes e uso dedrogas, outro dia uma mãe foi presa por amarrar sua filha usuária de drogas. Um Promotor pediu a internação de garoto detido 16 vezes em São Paulo por roubo de carros, e os pais desse menor não são responsabilizado como determina o Estatuto? Filhas, prostitutas, de 11/12/13 anos namorando e transando com os garotos do colégio e a responsabilidade dos país de educar e proteger onde fica?

 

As famílias estão criando marginais adolescentes de alta periculosidade, conscientes de que essa lei não os atinge, e mandando para as escolas armados colocando a vida dos cidadãozinho de bem em risco.

 

Fora isso temos os pais comprovadamente produtores de bandidos e prostitutas, que são os analfabetos, retirantes, imigrantes, fugitivos da fome, o lixo humano da sociedade desestruturada, quem já lidou com eles sabem como são, arruaceiros, anarquistas, vândalos, subservientes dos traficantes nas favelas do Rio, ficam agradando, dando café, fazendo bolbo e servindo os traficantes e se eles mandar descer o morro e quebrar tudo e colocar fogo em ônibus no asfalto elas descem e fazem. Verdadeiros irresponsáveis na acepção da palavra, eles são sub-empregados, cachaceiros, toscos, rudes, apedeutas, ignorantes, grossos que não tem condições de criar um cachorro, mas a maioria tem 8/10 filhos, cada um de um pai, são os mesmos que vão superlotar os ditos “reformatórios”, ressocialização de menores, como se isso existisse.

 

É fácil comprovar isso, nas visitas de domingo no Instituto Padre Severino na Ilha do Governador, entrevistar os menores que estão lá, de onde vieram, onde moram, quem é sua mãe, nome do seu pai, e desde que idade usa drogas e com quantos anos cometeu o primeiro crime. Eu já tenho essa resposta, de mais de 200 deles e pode-se jogar fora 199 que as histórias são quase todas iguais.

 

Depois que o menor entra na cadeia pela primeira vez “é o batismo” quando beneficiado por essa lei fascista, dissimulada essa irresponsabilidade demagógica que é o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) e sai da cadeia e volta para casa, na favela, o chiqueiro onde mora e é criado e ele é festejado e quando o traficante, que também é seu ídolo, sabe que o menor voltou chama ele, “da uma moral”, enche a bola dele, dá uma pistola pra ele treinar e depois “ir a luta”, Vila do João, Varginha, Acari e Vila Vintém, são exemplos disso onde as crianças, conforme se vê nos vídeos, transitando em meio de drogas e armas, crescem imiscuído com o crime e aquilo para eles é banal, vendo seus amiguinhos transitando na favela de fuzil na mão e as “cocotinhas” vidradas “dando a maior moral pra ele” o moleque quer ser e ter moral também. E como o homem é produto do meio.

 

Um empresário português, Antonio Rebello, morto por um garoto dentro de sua Pic-Up a alguns anos na Avenida Brasil em frente ao hospital de Bonsucesso, que vinha com seu filho, portador de problemas mentais, e um outro filho num outro carro atrás, segundo os policiais que investigaram o crime o marginalzinho que o matou a tiros para assaltar foi festejado na Vila do João quando após o crime fugiu para a favela.

 

Notícias de uma Guerra Particular - parte 9/10

 No inicio do vídeo, o relato do policial militar, é do então Capitão do BOPE Rodrigo Pimentel no quartel, olhando na janela com o Sambódromo ao fundo, hoje ele é consultor assuntos de crimes na Globo Rio, que deu origem ao personagem capitão Nascimento, dos filmes Tropa de Elite. O depoimento dos menores presos no Instituto Padre Severino na Ilha do Governador.

 

Essa ralé morando em favelas, guetos, cortiços e cabeças de porco, com os filhos dessa desgraça imiscuídas intimamente com todo tipo de bandidos diariamente nos chiqueiros onde moram, com traficantes e toda sorte de bandidos, o que é muito natural e banal para essa população dentro desses lixos, pais e mães dos bandidos, que desvia o dinheiro do estado que poderia ser empregado em escolas, saúde, habitação para a sociedade ordeira, produtiva e proativa mas é gasto grandes fortunas para combater o que essa escórias nos dão, depois de todo investimento que os governos fazem nos chiqueiros onde eles moram, criminosos, traficantes, ladrões, estelionatários, estupradores, é isso que eles nos dão em troca como agradecimento. E algumas excrescências desclassificadas, vemos nas reportagens que a TV destina espaço para eles, bater no peito e dizer que moram na Rocinha, Cantagalo, Alemão e Maré e adoram o lugar e não querem sair dali por nada.

 

quando as desgraças lhes cai a cabeça ai vão provocar badernas, vandalismo e anarquia e dizer que “o governo” não olha por eles, não ajuda eles, que a casa deles foi levada na enchente, porque ele construiu irresponsavelmente em área de risco, porque que morar junto com bandidos no grandes centros ou nos bairros nobres sem pagar nada e a culpa é do governo.

 

Que embora nos grandes centros, como são os morros da Babilônia, Chapéu Mangueira, Cantagalo, Sá Ferreira, com todas as oportunidades a sua volta, mas só prolifera a ralé da sociedade, o lixo humano, acomodados e encostões, gente que quer levar vantagem e não pagar nada, possuir tudo mole, sem esforço, sem investir na vida em trabalho, estudo, formação profissional e social, não costumam se interessar por estudo e trabalho sério, são fascinados pelo crime, não querem compromisso sério como estudar e se formar, bater cartão e responsabilidade com empresa, preferem ignorar desde cedo as oportunidades e os investimentos governamentais que os rodeiam como escolas, cursos, faculdade e se dedicar a manusear armas, usar drogas e logo cedo partem para o crime e depois na cadeia ou nas entrevistas em público todos esses pústulas, crápulas, posam de vítimas, excluídos e sem oportunidade.

 

Como Lula, um exemplo clássico o retrato fiel de todos eles, é só ver o filme e sua trajetória de vida. Chegou a Santos SP ainda menino, retirante da fome, seca, vindo do nordeste com sua “família” e que família, são todos ou a grande maioria assim o mesmo exemplo. Nunca se interessou por estudo e trabalho sério, nem a família os estimulam, não incentivam a estudar e se preparar para uma vida descente e digna. As famílias, todas elas incentivam desde cedo os meninos a fazer qualquer coisa porque sem formação profissional, sem classificação, ganham pouco e num grande centro como Rio e SP, o custo de vida é caro e nada é tolerado, não tem nem da pra se usar “candieiro” nem “cavar poço” pra ter água, nem lugar pra plantar mandioca, nem milho pra colher e comer, tudo é pago e se não pagar cortam, se não tiver dinheiro o supermercado não vende e a família precisa de dinheiro em casa e tem que se virar. Vejam que Lula logo enveredou para o caminho da malandragem, uma malandragem mais amena, mas malandragem onde não exigem qualificação profissional, mas astúcia, artimanha, o sindicalismo foi a freta da porta que ele viu aberta e arrombou e entrou e fez o que todos eles gostam mas não tem o mesmo dinamismo e coragem que ele teve. Deu sorte que não estava numa favela do Rio de Janeiro, se a porta e a fresta que ia se abrir para ele com certeza seria outra, já que sindicalista nunca se deu bem no Rio, não existe um que acendeu a política e se notabilizou como em SP que tem vários.

 

E seu destino sem dúvida seria outro, e com o dinheiro entrando, ninguém quer saber muito de onde vem o Ném da Rocinha, o Pezão do Alemão, O Parazão de Acari, é outros e outros são queridos, endeusados e festejados onde chegam tem um grupo de lacaios babando ovo e puxando saco, desfrutando com eles, mesmo todos sabendo a origem dos seus milhões, mas nas notas de R$ 100 deles não está escrito, dinheiro do tráfico. As famílias, todas elas acobertam e dinheiro é dinheiro em qualquer lugar.

 

Lula resolveu partir para a politicagem e expediente, aplicando recursos para sobreviver sem trabalhar, montou sindicato, montou partido político e perseguiu a presidência da república 20 anos, mas nunca estudou um mês. Não é a praia deles, eles não gostam de compromisso sério, responsabilidade, sem esforço, sem se preparar para a vida, sem estudar, sem trabalhar com compromisso de chegar na hora, sair na hora, gostam de oba, oba, viajar, curtir e desfrutar sem meter a mão no bolso, com algum otário pagando pra eles e isso só se encontra no crime e na política que tem características muito similares, por isso no Brasil raro é o político que resiste a uma investigação séria de sua vida pregressa por mais de cinco minutos.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub