Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Linguarudo

Orgulho de ser brasileiro, mas sobretudo carioca, um estado de espírito, um estilo de vida, nascido em Madureira no Rio, capital do samba, flamenguista e Beija-Flor de Nilópolis; sincero, franco, sem papas na língua, marrento, fala o que sente na lata

Orgulho de ser brasileiro, mas sobretudo carioca, um estado de espírito, um estilo de vida, nascido em Madureira no Rio, capital do samba, flamenguista e Beija-Flor de Nilópolis; sincero, franco, sem papas na língua, marrento, fala o que sente na lata

O Linguarudo

01
Abr12

Camilo Portugal, um atleta flamenguista, mas sobretudo uma lição, um exemplo de vida e superação

olinguarudo

olinguarudo olinguarudo

1ª Foto esquerda - Camilo Portugal um exemplo de vida, superação, determinação e objetivos bem definidos o que é muito importante na vida - Voltando ao judor 17 anos depois do acidente, quer ganhar os títulos que o acidente interrompeu.

2ª Foto a direita - Camilo Portugal - Conquistando titulo depois de quebrar a perna com fratura exposta

  

olinguarudo olinguarudo

1ª Foto esquerda - Camilo Portugal Mudando de profissão fez curso de gastronomia depois do acidente e virou chefe de cozinha

2ª Foto a direita - Camilo Portugal Programa social, ensinando gastronomia a presidiárias do Rio

 

Click e veja o vídeo de Camilo Portugal

 Superação: a culinária cruza os caminhos de um ex-judoca e de uma detenta

Camilo Portugal era uma promessa do judô até sofrer uma fratura exposta que o fez interromper a carreira. O atleta se reergueu, entrou na culinária e agora dá aulas em uma penitenciária, ajudando Renilda Maria a realizar seu sonho.

Esporte Espetacular | Última atualização: uma hora e 54 minutos atrás 01/04/2012

 

Camilo Portugal é um desses caras arrojados, determinados com objetivos bem definidos, com uma história de vida que engrandece , alavanca, sacode e envergonha certos seres humanos. Pra gente que tem horas que deu vontade de desistir de tudo, que acha que nada mais da certo, ai você assiste uma reportagem dessas e é como se tomasse uma injeção de ânimo, você se identifica com a história e eu particularmente olho no retrovisor da minha vida e apesar de ser um lutador, nunca desisti, vivo buscando e procurando meu espaço e meus caminhos de todas as formas, é certo que ainda não tive uma oportunidade, to como Zeca Pagodinho, "em matéria de guarida ainda espero a minha vez" mas quando vejo uma matéria dessas eu digo pra mim mesmo, “eu sou um merda, um fraco, não sou um guerreiro como Camilo Portugal”, não enfrento a vida com a mesma garra, determinação, coragem e objetivos bem definidos como ele tem.

 

Errei ao deixar muita coisa pelo caminho na vida, muita coisa por fazer, por acabar, por terminar, feitas pela metade, e fui desistindo com facilidade quando tinha que encarar, lutar, vencer e concluir ou não começar, porque isso gera perda de tempo, e isso na vida, quando se chega à nossa idade descobrimos que a vida é um relâmpago e não se pode ficar perdendo tempo para depois descobrir que não era isso que queríamos em matéria de opção de estudo, profissão pois só faz muito mal a e atrapalha o desenvolvimento de nossa trajetória de vida. Você pode acumular vários conhecimentos e profissões, mas sair mudando delas toda hora e abandonando nunca, essa semana morreu Millôr Fernandes um carioca que foi jornalista, escritor, dramaturgo, humorista, caricaturista, acumulou ao longo de sua trajetória uma gama de conhecimento que eram pertinentes dentro da sua atividade.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D